Desabafo Expresso em um dia Escuro 2


DESABAFO EXPRESSO EM DIA ESCURO

Um segundo de fôlego
Um suspiro inaudível
E a lágrima que agora brota
Corre livre e solta.
O sol apagara-se
Nasce uma noite no dia
Dia negro e frio
Frio dentro mim.
Dois passos eternos
Em um toque gélido
Uma carícia sofrível
De quem não pulsa.
Quero sentir paz
Quero tocar a luz
Quero inebriar-me em amor
Quero ter uma vida

Apenas uma carcaça vazia movida a engrenagens desconexas, que busca alívio nas palavras vãs de um desabafo doloroso.


2 pensamentos em “Desabafo Expresso em um dia Escuro